Coluna Diamante

Extensão do Jornal Delfos-CE: http://jornaldelfos.blogspot.com.br/
O nome Diamante é por conta do primeiro livro impresso no mundo, o Diamante-Sutra, sem o qual não existiria a impressão como a conhecemos hoje em dia.

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

HARAM MATA MAIS DE 2 MIL

HARAM MATA MAIS DE 2 MIL

Conflitos na Nigéria somam mais de 2 mil mortos

(Imagem: Reprodução)
A Nigéria tem enfrentado constantes ataques violentos do Boko Haram. Utilizando granadas e armas de fogo, o grupo destruiu 16 vilarejos na região nordeste do país. O número total das vítimas não foi contabilizado, mas acredita-se que passam de 2 mil mortos.
No dia 3 de janeiro, um exército do Boko Haram invadiu o centro comercial de Baga, onde fizeram uma série de vítimas fatais. A maioria seriam crianças, mulheres e velhos, que teriam mais dificuldade de fugir dos ataques.
Desde esse grande ataque, os conflitos continuam diariamente no país, deixando centenas de vítimas. O objetivo dos radicais seria dominar a região que faz fronteira com os países Chade, Camarões e Níger.
nigeria1
O objetivo do Boko Haram seria dominar a fronteira com o Chade, Camarões e Níger.

Contexto
O Boko Haram é um grupo islamita que usa táticas terroristas para impor a lei sharia na Nigéria. Seus principais alvos são escolas de meninas e vilarejos cristãos. O ataque que causou mais comoção internacional foi o sequestro de mais de 200 meninas em abril do ano passado.
O país é predominantemente islâmico, mas o sul é de maioria cristã. Além disso, o Boko Haram tem uma interpretação bem mais radical da lei sharia, prevendo penas mais duras contra mulheres, como o estupro.
Desde o início dos conflitos, a 5 anos, centenas de milhares de pessoas fugiram da Nigéira e mais de 1 milhão vivem deslocadas dentro do próprio país.
(Informações O Globo e G1)