Coluna Diamante

Extensão do Jornal Delfos-CE: http://jornaldelfos.blogspot.com.br/
O nome Diamante é por conta do primeiro livro impresso no mundo, o Diamante-Sutra, sem o qual não existiria a impressão como a conhecemos hoje em dia.

quinta-feira, 30 de abril de 2015

BRUCE LEE JOGANDO PING-PONGUE COM MUCHACHO É FALSO

http://colunadiamante.blogspot.com.br/2015/04/bruce-lee-jogando-ping-pongo-com.html BRUCE LEE JOGANDO PING-PONGUE COM MUCHACO É FALSO
Por: Ateu Poeta

Lembra do Bruce jogando ping-pongue com muchaco? Tudo falso, não passa de propaganda da Nokia com um sósia dele.

O vídeo circula pela web desde 2009, Bruce Lee joga ping-pongue contra dois jogadores!

"O filme parece ser antigo, afinal, o lutador morreu em 1973!"

"(...) A agência que conseguiu a façanha de “trazer à vida” o mestre das artes marciais 35 anos após a sua morte foi a asiática JWT, em 2008.

Claro, um sósia de Bruce Lee foi convidado para encenar o lutador. Ao final, na pós-produção, foi acrescentada a bolinha de ping pong com a ajuda de computação gráfica."

"Em 2008, a agência JWT ganhou um prêmio de Ouro, 3 de prata e 2 de bronze por essa campanha e a Agência Asia entrevistou o diretor Chu Polly, que explica o sucesso do comercial. Afinal, só no YouTube, foram mais de 5 milhões de visualizações."

"O vídeo e, na verdade, uma propaganda de celular e foi usado um sósia do astro Bruce Lee."

No youtube você acha vários vídeos do Bruce Lee explicando porque não pode ser real, uma vez que o muchaco quebraria a bola de ping-pongue.

Fonte:

Veja os vídeos, no final existe até uma versão de Bruce sendo goleiro e achei um de um gato que joga também ping-pongue.

PROFESSORES TAMBÉM FORAM AGREDIDOS EM GOIÁIS

PROFESSORES TAMBÉM FORAM AGREDIDOS EM GOIÁIS
Professores em greve são agredidos por guardas municipais em Goiânia

Prefeito não comentou as agressões

(Foto: enviada via WhatsApp)
Adriana Marinelli

Goiânia - Em greve desde o último dia 14, professores e outros servidores da rede municipal de ensino realizaram nova assembleia nesta quinta-feira (23/4), mas o ato acabou com alguns grevistas feridos. Fotos e vídeos de professores feridos circulam nas rede sociais.

O grupo, que cobra uma audiência com o prefeito Paulo Garcia, estava em frente ao Paço Municipal, sede da prefeitura de Goiânia, quando decidiu manter a paralisação.

Após a decisão de manter a greve, os servidores resolveram caminhar pelos corredores do Paço, quando, segundo ele, teriam sido agredidos por guardas da Guarda Civil Metropolitana. De acordo com os relatos nas redes sociais, os guardas teriam usado spray de pimenta para afastar o grupo, além de golpes de cassetetes.
(Foto: enviada via WhatsApp)

Uma professora que estava no local sofreu um corte da cabeça provocado por um golpe de cassetete. Além dela, outros servidores que contam com marcas das agressões pelo corpo também fizeram questão de divulgar as fotos.

Por meio de seu perfil no Twitter, o prefeito Paulo Garcia comentou sobre o protesto, defendendo que "manifestação pacífica não invade áreas de circulação restrita, que existe em qualquer parte do mundo civilizado", mas não falou sobre as agressões sofridas pelos servidores.

Também pelas redes sociais, a Prefeitura de Goiânia lamentou o fato e informou que agentes da Guarda Civil Metropolitana teriam teriam ficado feridos ao tentar "conter os ânimos dos manifestantes". "Foi necessário uso progressivo da força a fim de manter a ordem local", diz a prefeitura.

Reivindicações

Entre as reivindicações da categoria, estão melhorias nas condições de trabalho e estruturas físicas dos prédios. O grupo, que também pede a construção de novas unidades de ensino, pedem o pagamento retroativo da data-base de 2014 aos servidores administrativos e do piso dos professores. 

Outra reivindicações é o pagamento, com retroativo, da gratificação de 30% para auxiliares educativos e de titularidades e progressões.


213 FERIDOS NA GREVE DO PARANÁ

Foto: Esmael Morais: 

ATUALIZAÇÃO: Segundo a Prefeitura de Curitiba, 213 pessoas ficaram feridas na manifestação. Destas, 150 foram atendidas em 12 ambulâncias. Outros 63 feridos foram encaminhados para Unidades de Pronto Atendimento, o Hospital Cajuru recebeu 36 pacientes, e o Hospital do Trabalhador recebeu outros 7 feridos. 

Segundo o governo do estado, 40 manifestantes ficaram feridos e outros 20 policiais.

Vídeos enviados por leitores mostram os momentos de violência. #CentroCívico http://bitly.com/1Fxt87G — emCentro Civico.

Fonte: Gazeta do Povo:
______________________________________________________
Publicado em 30/04/2015
Porrada tucana:
Lula defende professores

“É inadmissível que o direito de manifestação seja restringido àqueles que trabalham pela educação de nossos jovens e o futuro do País”, disse Lula.




O Conversa Afiada reproduz mensagem do ex-presidente Lula em apoio aos professores do Paraná:

Solidarizo-me com os professores do Paraná, que foram agredidos de forma violenta pela Polícia Militar do estado.

Temos visto a atuação da polícia na garantia da segurança de manifestações que têm acontecido no país, mas esse direito deve ser garantido a todos.

É inadmissível que o direito de manifestação seja restringido a qualquer pessoa, principalmente àqueles que trabalham pela educação de nossos jovens e o futuro do país.

Lulahttp://www.conversaafiada.com.br/politica/2015/04/30/porrada-tucana-lula-defende-professores/

PROFESSOR MÁRCIO LEVOU UM TIRO NO OLHO NO PARANÁ

PROFESSOR MÁRCIO LEVOU UM TIRO NO OLHO NO PARANÁ
Por: Marcos Antonio (no Facebook)

Vejam isso e compartilhem o máximo que puderem!!! Este é o professor Márcio que leciona Geografia aqui em Londrina e acabou sofrendo um tiro no olho agora pouco por conta de uma polícia despreparada e inconsequente a mando de um governo INSANO, DESESPERADO, DESONESTO, BANDIDO, AUTORITÁRIO e COVARDE!! 

A inversão de valores deixou nossa sociedade de cabeça para baixo onde, professores como nós que ensinamos os filhos dos policiais e de toda a sociedade somos tratados como bandidos, e enquanto isso um governador bandido, deputados oportunistas e bandidos, um judiciário comprado como uma prostituta são os donos do poder!! 

Aonde fomos parar? Que sociedade queremos para nossos filhos? Reflitam sobre isso e nunca mais votem nestes bandidos do PSDB... 

Todo o apoio ao meu colega e companheiro de profissão, o professor Márcio!! 

Que a sociedade e a população nos ajude e se sensibilizem com O SANGUE DERRAMADO pelos trabalhadores da educação e servidores públicos que só querem manter seus direitos intocados, sem nenhum privilégio como os políticos bandidos do Paraná!! 

Abaixo, outros educadores e servidores feridos pela BARBÁRIE e pela EXTREMA COVARDIA.Não há mais adjetivos para se denominar um como este do Paraná. Só acreditamos no que está ocorrendo porque estamos vivenciando estes absurdos!!
________________________________________
Richa e deputados assinam com o sangue dos professores confisco da previdência 
Por: Neto Rodrigues (no Facebook)

Uma cena de guerra e barbárie. É o que posso descrever sobre hoje, no Centro Cívico, em Curitiba. Sem razão aparente, a Tropa de Choque iniciou um ataque aos professores, lançando bombas de efeito moral e soltando cães das raças Rotweiler e Pitbull contra a imprensa, professores e servidores. Houve muita correria e pânico, eram muitos homens. a Tropa de Choque do Bope desceu primeiro, todos de preto, batendo cassetetes contra os escudos, e disparando bombas. A segunda leva de PMs atirava com balas de borracha e a cada passo o que se via eram mais e mais professores caindo pelo chão. A Tropa de Choque agiu com extrema violência e os manifestantes correram para se proteger, um desespero total, homens e mulheres por todos os lados, em fuga, tentando ainda ajudar outras pessoas que já estavam gravemente feridas A polícia não deu trégua, o professor que aparece na foto, identificado como Marcio Henrique, diziam no atendimento, no ambulatório do TJ-PR, é de Londrina, e junto com ele haviam outros dois feridos. A princípio foi ferido por um tiro no olho.

De acordo com dados do Samu, liberados próximo das 17h, oito pessoas ficaram feridas gravemente e outras 150 sofreram algum tipo de ferimento, mas estes números devem subir. É um momento triste para a história do Paraná, novamente os professores são espancados na Praça Nossa Senhora de Salete. O deputado e presidente da ALEP Ademar Traiano disse no meio da confusão que o que estava acontecendo na rua era problema da segurança pública. Os deputados da base do governador como Guto Silva, Paulo Litro, Cantora Mara Lima, Francischini Junior e demais seguiram votando o projeto e não atenderam os apelos de outros deputados de ao menos suspender a votação naquele momento.

Lá fora, uma praça de guerra que chegou a afetar até mesmo as crianças. A creche que fica próximo ao Centro Cívico foi evacuada porque os alunos inalaram gás de pimenta. O mesmo aconteceu no prédio da prefeitura, onde servidores foram retirados por medidas de segurança. Dentro da Assembleia os deputados se recusaram a suspender a votação e, respaldados por Beto Richa que enviou a ordem ao comando da PM para que o confronto fosse iniciado e os manifestantes retirados do local, seguiram com o trabalho da pauta. Uma cena de horror, um dos piores momentos da história do Paraná.
______________________________________________________



“Aêê!”, “É isso aí!”, comemoram membros do governo ao ver a PM atacando manifestantes no Paraná
abril 30, 2015 09:10



Veja também

Blogueiro recebeu de um funcionário do alto escalão do governo tucano um vídeo em que é possível ouvir, de dentro do Palácio Iguaçu, o que seria a voz do governador Beto Richa (PSDB) e seus assessores comemorando toda vez que a PM jogava uma bomba contra os manifestantes; confira

Por Redação (Revista Fórum)

O cerco da Polícia Militar paranaense que deixou centenas de manifestantes feridos na tarde desta quarta-feira (29) parece ter sido muito comemorado pelo governador Beto Richa (PSDB) e seus assessores. Um vídeo mostra que, da sacada do Palácio Iguaçu, membros do governo assistiam à PM massacrando as pessoas que protestavam em frente à Assembleia Legislativa e gostavam quando havia truculência.

“Aêê!”, “É isso aí!”, “Isso”, “Ihh”, diziam as vozes que pareciam ser de Richa e seus assessores, todas as vezes em que a PM lançava uma bomba ou um jato de gás.

A gravação foi obtida com exclusividade pelo blogueiro Esmael Moraes, que recebeu o conteúdo de um funcionário do alto escalão do Palácio.

Por conta do cenário de guerra, até o prefeito de Curitiba chegou a apelar para que o governador ordenasse o fim da repressão.

“Faço um apelo ao governador, Secretaria de Estado da Segurança Pública e Assembleia. Por favor, o momento é de pacificar. Já temos muitos feridos aqui”, disse Gustavo Fruet (PDT).

Ao todo, mais de duzentas pessoas ficaram feridas e até dezessete policiais que se recusaram a participar do cerco foram presos.

Os manifestantes estavam na rua para protestar contra a votação de um projeto de lei do governador Richa que altera a previdência dos funcionários públicos.

Foto: reprodução/Facebook
______________________________________________________

Por:Valdir Cruz

Revolta nos quarteis da Polícia Militar, em Curitiba. De soldados rasos a oficiais, ninguém está aceitando a ordem do governador Beto Richa e do secretário de Segurança Pública, Fernando Francischini. Eles querem porque querem que a PM monte partir da tarde deste sábado (25) um cordão de isolamento com mais de mil soldados no Centro Cívico. Esta barreira deve ser mantida, ininterruptamente, 24 horas por dia, até a quinta-feira, 30. Os policiais alegam que a PM não tem efetivo para isso. E caso o governador não recue da ordem, que consideram “estapafúrdia”, fazem um alerta público à população da Capital: “A cidade ficará entregue aos bandidos durante cinco dias”.

Cerco da Assembleia: Richa retira PMs das ruas e do atendimento à população para dar segurança aos deputados, e causa revolta na caserna.

A ordem de Beto Richa para cercar a Assembleia Legislativa é uma medida desesperada de um governador impopular. É um gesto autoritário que causa revolta em todos os paranaenses. O cerco visa impedir que o povo, principalmente os funcionários públicos, possam acompanhar, no Centro Cívico, a votação do confisco do dinheiro que garante a aposentadoria dos servidores do Estado. A votação, em regime de urgência, está prevista para se realizar na sessão de quarta-feira, 29, que começa às 14h30. O governo quer, a todo custo, evitar a invasão do plenário do Legislativo, como ocorreu em fevereiro último. Richa pretende usar o dinheiro das aposentadorias para pagar as dívidas do governo, que ele mesmo fez.

Mas o custo do cerco à Assembleia é altíssimo. E pode ser ainda mais desgastante para Richa e seus aliados com a revolta da PM, que também tem interesse que o fundo de previdência não seja confiscado. Se a cidade ficar entregue aos bandidos, uma onda de crimes pode pôr tudo a perder, já que a impopularidade do governador irá às alturas e, deputado que tenha um mínimo de juízo, não irá avalizar esta operação, que só tem paralelo na ditadura militar.

Cidade entregue aos bandidos

A revolta na PM começa a ganhar voz. Um oficial já alertou: “Não temos estrutura para manter um cerco prolongado no Centro Cívico e o policiamento rotineiro na cidade ao mesmo tempo”. Isso significa que o soldado que estará no cerco é o mesmo que deixará de fazer o patrulhamento nas ruas, é o mesmo que deixará de combater a ação dos bandidos, é o mesmo que deixará de socorrer vítimas de acidentes, é o mesmo garante a segurança das nossas famílias nas unidades do Paraná-Seguro.

No último cerco à Assembleia, em fevereiro, policiais militares já tinham se mostrado revoltados. Alguns deram entrevistas denunciando a completa falta de estrutura e organização do cerco. Muitos policiais trabalharam mais de 24 horas seguidas sem descanso, ficaram sem refeições e sem água. E agora, com mais de cinco dias seguidos de tocaia, a PM vai ter efetivo para garantir escalas? Vai ter recursos para assegurar a alimentação e hidratação dos soldados que estarão no cerco?

Está claro que se o governador e seus assessores tivessem um pingo de responsabilidade, já deveriam ter desistido, há tempos, desta operação para salvar o caixa do Estado. O desgaste e os riscos de violência são enormes e duradouros, ainda mais com a PM dando sinais claros de revolta. Temos, agora, nova greve dos professores, que poderá durar meses, inviabilizando o ano letivo, causando sangria no que resta de prestígio a Richa e aos deputados aliados e provocando um drama social incalculável para as milhares de famílias que têm filhos nas escolas públicas.

Isso sem contar que usar a PM para fazer um jogo político é algo muito nefasto. Algo que ocorreu pela última vez em 25 de abril de 1984, quando o Congresso Nacional foi cercado por tropas do Exército. O cerco permitiu que os deputados da base de apoio à ditadura rejeitassem a Emenda Dante de Oliveira, que garantia a volta da das eleições diretas para presidente da República. O desgaste do último ditador, o general João Baptista Figueiredo, foi tanto, que aquela demostração extemporânea de força jogou a derradeira pá de cal no reinado dos militares.

Agora, em 2015, Beto Richa contraria frontalmente o pai, José Richa. Em 1984, o Paraná era governado por José Richa, um dos principais avalistas das diretas-já. Democrata de todas as horas, José Richa foi radicalmente contra o cerco do Congresso, medida que hoje o filho usa, a despeito da história do pai, para impor goela a baixo em todos os paranaenses um confisco tão odioso quanto foi a rejeição das diretas-já. Daí, não é de se admirar a revolta que ganha força nas ruas e que começa a chegar aos quartéis.
_________________________________________________________________________________


Antônio More/Gazeta do Povo
Policiais militares estavam na frente da Assembleia Legislativa na tarde deste sábado
PACOTAÇO FISCAL

Governo convoca mais de mil policiais para cercar Centro Cívico

Presença da PM tenta garantir que deputados votem projetos durante a próxima semana 
mesmo sob pressão de servidores

25/04/2015 
12h13 
Euclides Lucas Garcia, Diego Ribeiro, Rogerio Waldrigues Galindo e Rodrigo Batista
Atualizado em 25/04/2015 às 17h13

A Polícia Militar do Paraná começou a cercar a Assembleia Legislativa com um cordão de isolamento no início da tarde deste sábado (25). O objetivo é garantir a votação de dois projetos do programa de ajuste fiscal no Legislativo nesta semana. O tamanho da área isolada e a distribuição dos policiais ainda estavam sendo definidos entre os comandantes da operação, mas pode chegar a quatro quadras ao redor do prédio da Assembleia e do Palácio Iguaçu.
Professores da rede estadual decidem retomar greve na segunda-feira

Em assembleia realizada na manhã deste sábado (25) em Londrina, os professores da rede estadual de ensino decidiram retomar a greve, por discordarem da proposta do governo que reformula a previdência estadual. A decisão vale a partir de segunda-feira (27), e a expectativa é que 50 mil servidores venham do interior para Curitiba durante a semana.Leia a matéria completa

A intenção do Executivo, que alega cumprir uma decisão judicial, é isolar o Centro Cívico até quinta-feira (30), quando as propostas já tiverem sido aprovadas. Um interdito proibitório foi deferido pelo juíz Eduardo Lourenço Bana, do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR), no qual o magistrado assegura o uso da força policial em caso de descumprimento da decisão, que impede nova ocupação da Alep por funcionários públicos. Se houver nova ocupação, os servidores terão que pagar multa diária de R$ 100 mil e a decisão judicial será convertida em reintegração de posse.
Servidores da saúde podem entrar em greve no PR

Contra mudanças na ParanaPrevidencia, os funcionários da saúde farão assembleia na terça-feira (28). Possibilidade de greve, segundo sindicato, é grandeLeia a matéria completa

Sem contar com agentes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), a Secretaria da Segurança Pública (Sesp) vai empregar quase 900 policiais por dia, conforme a escala de trabalho à qual a reportagem teve acesso. O efetivo é praticamente o dobro do aplicado em Curitiba diariamente.

Foram convocados policiais de todos os batalhões da capital e de alguns da região metropolitana [12.º, 13.º, 17.º, 20.º, 22.º e 23.º]. O regimento de polícia montada, Patrulha Escolar, ajudantes de ordem que trabalham na segurança de autoridades, alunos da Academia do Guatupê, policiais da Força Ambiental e do Departamento de Apoio Logístico da PM também participarão. Estão previstos ainda agentes da Ronda Ostensiva Tático Motorizadas (Rotam) .Antônio More/Gazeta do PovoForam convocados policiais de todos os batalhões da capital , inclusive policias da Força Ambiental

As equipes foram divididas em cinco, chamadas de A, B, C, D e E na escala. Cada equipe tem 225, 224, 217, 225 e 229 policiais, respectivamente. No total, serão 1.120 policiais, diariamente, em quatro turnos. Eles se apresentaram na antiga sede da Companhia Independente do Palácio Iguaçu, em frente à Sesp. Um oficial ouvido pela reportagem, que preferiu não se identificar, classificou a escala como insana. “É muito maior do que o aplicado na cidade diariamente.” Ele afirmou ainda que esse policiamento escancara a decisão política e não técnica para definir a estratégia da ação. “Dentro de qualquer doutrina da segurança, quem está no teatro de operações políticas não pode decidir como vai atuar a polícia. A pessoa jamais pode estar envolvida emocionalmente no fato.”

Por meio da assessoria, o governo do estado informou que recebeu um pedido de reforço de segurança da Presidência da Assembleia e determinou à Sesp que atendesse à reivindicação. O objetivo é impedir a repetição das cenas de invasão do plenário e o cerceamento do funcionamento democrático do Legislativo.

Sobre a operação policial a partir da semana que vem, a Polícia Militar, por meio da assessoria de imprensa, informou que não haverá isolamento de quadras ou policiamento ostensivo, mas haverá um contingente considerável de policiais em condições de ser empregado a qualquer momento se houver necessidade. O emprego das tropas, segundo a assessoria, será feito de acordo com as decisões do comando do policiamento.Rodrigo Batista/Gazeta do PovoPoliciais chegam ao Centro Cívico para iniciar cerco à Assembleia e ao Palácio Iguaçu.
Ocupação

Na primeira tentativa de votação do “pacotaço“, em fevereiro, o plenário da Assembleia foi tomado por servidores, que permaneceram lá por três dias. Sem ter como voltar ao plenário, os deputados tentaram fazer a votação no restaurante da Casa. Mas, novamente, os manifestantes tomaram a Assembleia – com receio de um confronto mais grave, a sessão foi suspensa e o governo retirou as propostas. O Legislativo, porém, já tem em mãos uma liminar judicial para evitar que a ocupação ocorra novamente, com multa diária estipulada em R$ 100 mil aos sindicatos em caso de descumprimento.

Os dois projetos são reformulações das versões originais. Um deles prevê várias medidas, como o refinanciamento de dívidas de ICMS e a venda delas no mercado financeiro. O outro é o que muda a forma de pagar inativos da Paranaprevidência, transferindo o pagamento mensal de 33,5 mil aposentados acima de 73 anos para o Fundo Previdenciário. A migração fará com que o Executivo não precise pagar esses benefícios com dinheiro do tesouro. A economia do governo será de R$ 1,5 bilhão ao ano.

______________________________________________________

http://www.gazetadopovo.com.br/vida-publica/governo-convoca-mais-de-mil-policiais-para-cercar-centro-civico-ci4hpnatnxho0uonhdiu9zz78

http://www.blogdovaldircruz.com.br/2015/04/25/revolta-na-pm/

https://www.facebook.com/groups/139811212885344/

http://www.revistaforum.com.br/blog/2015/04/aee-e-isso-ai-comemoram-membros-do-governo-ao-ver-a-pm-atacando-manifestantes-no-parana/

https://www.facebook.com/elias.esser/videos/vb.100000151498508/1044203678928005/?type=2&theater


https://www.facebook.com/photo.php?fbid=439521616225846&set=a.103081246536553.6314.100005040332535&type=1

quarta-feira, 29 de abril de 2015

CENÁRIO DE GUERRA NO PARANÁ



Centenas de professores do estado que protestaram em frente à Assembleia Legislativa do Paraná estão feridos após repressão da PM. O prédio da prefeitura foi transformado em uma espécie de enfermaria. Bombas, balas de borracha e até blindados foram utilizados para reprimir os servidores. As imagens são de guerra 


Mais de 100 pessoas ficaram feridas durante os confrontos da tropa de choque com os professores. Projeto do ParanaPrevidência é aprovado. (Pragmatismo Político) 

Professores e servidores que estão hoje (29) na Assembleia Legislativa para acompanhar a votação de alterações na previdência do funcionalismo foram brutalmente agredidos pela Polícia Militar do governador Beto Richa (PSDB). 

De acordo com o jornal paranaense Gazeta do Povo, que cobre os conflitos in loco, mais de 130 manifestantes estão feridos e oito encontram-se em estado grave. O SAMU divulgou que o número total de feridos é de 150 pessoas. Os que apresentam estado mais grave foram encaminhados para o hospital Cajuru, um deles com traumatismo craniano. 

Foram utilizados blindados, bombas, balas de borracha, cães treinados e até um helicóptero para coibir os servidores. Um veículo do Batalhão de Fronteira do Paraná, que atua a 600km de Curitiba, foi deslocado para reforçar o cerco à Assembleia Legislativa. 

Diversos feridos estão sendo atendidos no meio da rua. O prédio da Prefeitura de Curitiba foi transformado em uma espécie de ambulatório para dar suporte aos atendimentos. 

O gás lacrimogênio utilizado pela PM acabou entrando em um dos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) do Centro Cívico. Os pais foram buscar as crianças. Segundo o diretor, os alunos ficaram muito assustadas. 

As ambulâncias não foram suficientes e equipes da Guarda Municipal foram acionadas para ajudar no deslocamento dos manifestantes feridos. O prefeito Gustavo Fruet (PDT) disse que até o momento houve 34 pessoas encaminhadas ao hospital e que a ação do governo do estado tem um grau violência desnecessário. “Há dias a prefeitura vem alertando da desproporcionalidade da força.” 

O comandante da Polícia Militar e a Secretaria de Segurança Pública afirmam policiais também ficaram feridos. 

Guerra 

O deputado federal Enio Verri disse que o cenário é devastador e fugiu do controle. “É uma atitude truculenta e absurda, ultrapassada, parece o Brasil do século 19. São trabalhadores organizados fazendo uma mobilização não para conquistar direitos, mas para não perdê-los. Eles (governo) não têm diálogo nenhum com o setor público e ainda por cima mandam colocar a polícia”, afirmou. 

ParanaPrevidência 

Os servidores públicos protestam contra o projeto de lei que promove mudanças no custeio do Regime Próprio da Previdência Social dos servidores estaduais – ParanaPrevidência. 

O projeto foi aprovado em primeiro turno na sessão na tarde de terça-feira com 31 votos favoráveis e 20 contrários. O projeto de lei muda a fonte de pagamento de mais de 30 mil beneficiários para o Fundo Previdenciário. 

Com isso, o governo deixa de pagar sozinho essas aposentadorias e a divide a conta com os próprios servidores, já que o fundo é composto por recursos do Executivo e do funcionalismo. 

(Atualização | 18H20) – Mesmo com a greve e a pressão dos professores na porta da Assembleia Legislativa do Paraná, o projeto que propõe mudanças na Paranáprevidência foi aprovado pelos deputados estaduais. O governador Beto Richa (PSDB) tem maioria governista na casa.

As imagens:

PESSOAS INTELIGENTES SE MASTURBAM MAIS SEGUNDO PESQUISA NOS EUA

PESSOAS INTELIGENTES SE MASTURBAM MAIS SEGUNDO PESQUISA NOS EUA

PESQUISAS: Pessoas Inteligentes se Masturbam Mais, Revela Estudo
Fonte: PsiconlinewsData: 2015-04-20 16:59:44

Dados científicos, às vezes, nos oferecem uma verdade relativa, já que as pessoas tendem a mentir em algumas situações. Não revelamos toda a verdade, especialmente sobre questões que nos incomodam ou que carregam um tabu cultural. Um dos mais óbvios é o sexo, onde "normal" é um conceito turvo. Mas, ocasionalmente, surge algum estudo científico para lançar alguma luz sobre como nos relacionamos sexualmente com o sexo oposto.

Uma recente pesquisa realizada nos EUA encontrou uma correlação curiosa entre duas variáveis: o nível de educação de uma pessoa e a frequência de masturbação, revelando que pessoas com conhecimentos de ensino superior tendem a se masturbar com mais freqüência.

Este estudo interessante e controverso foi realizado pela Escola Nacional de Saúde e Comportamento Sexual, organizada pela psicóloga especializada em conduta sexual Debby Herbenick. De acordo com Pere Estupinyà, em seu livro S = EX2, a pesquisa foi totalmente financiada por uma empresa conhecida de preservativos, e consistiu em uma amostragem total de 6.000 norte-americanos com idades entre 14 a 90 anos, sendo um dos estudos mais completos sobre a sexualidade dos seres humanos em sociedades modernas. Os dados e resultados dessa pesquisas têm recebido muita atenção.

Os resultados da investigação

A pesquisa revelou que 71,5% das mulheres entre 25 e 29 anos reconhece ter se masturbado durante o último ano. Um número mais modesto, 46,5%, são de mulheres entre 60 e 69 que afirmam ter feito nos últimos 365 dias. Se formos avançando na idade, como no caso de pessoas com mais de 70 anos, o estudo relatou que 33% desse grupo diz ter se masturbado no ano passado; um número bem alto quando se considera a crença popular de que o sexo não está presente na vida dos idosos.

Outras conclusões do estudo foram, por exemplo, a correlação entre o nível acadêmico do sujeito com a frequência com que se masturbam. Como indicado no título da matéria, parece que há uma tendência de que quanto maior o nível de escolaridade, mais frequentemente o indivíduo se masturba.

Além disso, a pesquisa também mostrou que 25% dos homens e apenas 5% das mulheres admitem ter consultado conteúdo pornográfico na Internet durante o último mês. Outro fato interessante, e que tem a ver com a proteção durante o sexo, é que 28% dos homens dizem que perderam a ereção quando se preparavam para colocar o preservativo em pelo menos um de seus últimos três encontros sexuais.

http://www.educador.art.br/noticia/pesquisas-pessoas-inteligentes-se-masturbam-mais-revela-estudo/2610

http://www.psiconlinews.com/2015/04/pessoas-inteligentes-se-masturbam-mais.html

terça-feira, 28 de abril de 2015

PROFESSORES E POLICIAIS ENTRAM EM CONFRONTO NO PARANÁ

PROFESSORES E POLICIAIS ENTRAM EM CONFRONTO NO PARANÁ

Professores estaduais em greve no Paraná entram em confronto com a Polícia Militar em protesto
Brasil Post | De Larissa Baltazar


A semana para os professores da rede estadual do Paraná continua turbulenta. Após aretomada da greve e o protesto para barrar a votação da reforma na Paraná Previdência, uma nova manifestação ocorreu nesta quarta-feira (28). Professores se reuniram na praça Nossa Senhora da Salete, no Centro Cívico em Curitiba, onde houve confronto com a Polícia Militar, que chegou a utilizar caminhões com jatos de água para conter os manifestantes.

O início da confusão foi na madrugada de segunda para terça-feira, quando professores de outras cidades começaram a chegar na capital e tiveram seus ônibus barrados e revistados pela polícia, segundo a APP- Sindicato. Ainda na mesma noite, o Batalhão de Choque da PM chegou com caminhões de guincho para a retirada dos dois carros de som dos manifestantes e impedir que novos fossem instalados.

De acordo com o jornal Gazeta do povo, a PM chegou a utilizar gás de pimenta para conter os manifestantes, que tentaram impedir a ação. Ainda de acordo com o jornal, oito professores ficaram feridos e quatro fizeram boletim de ocorrência.

Pela manhã os manifestantes conseguiram uma liminar para permanecerem nas galerias do plenário, porém a autorização valeria somente para as sessões em que a reforma da previdência fosse votada, o que não aconteceu hoje. Sendo assim, os professores continuaram em volta da Alep (Assembleia Legislativa do Paraná), que ainda estava cercada por PMs.

Segundo o site Eu Curto Curitiba, a nova confusão começou quando os manifestantes tentaram entrar na praça com um novo carro de som.

Paranaenses filmaram o confronto, que mostra a polícia atingindo os manifestantes com jatos de água, fazendo muitos deles se dispersarem.

Também de acordo com o site, o confronto cessou quando foi firmado o acordo de que a PM não atacaria os manifestantes e o caminhão de som não avançaria.

O outro lado

Segundo o jornal Gazeta do Povo, a Polícia Militar afirmou que não agiu com violência. De acordo com a PM, "os caminhões de som estavam estacionados dentro do perímetro de isolamento determinado pela Justiça e por isso foram encaminhados foram ao pátio do Detran", e o caminhão que chegou mais tarde precisaria de uma autorização especial para estar lá devido às suas dimensões.

7 JOVENS QUE FICARAM MILIONÁRIOS


7 jovens que ficaram milionários sozinhos

Não significa que sejam gênios, que tenham recebido uma grande herança nem que tenham roubado um banco: os sete jovens dessa lista tiveram é muita determinação e vontade – e uma boa ideia, é claro – para chegar aonde chegaram, sozinhos: na casa dos milhões antes dos 40 anos.
1 – Yusaku Maezawa


Yusaku Maezawa é um ex-músico de rock que começou a vender online CDs e camisetas de bandas no início dos anos 1990. Ele começou uma empresa chamada “Start Today”, junto com um site de comércio bem sucedido chamado Zozotown, que é uma espécie de shopping online, com lojas diferentes e produtos vendidos em consignação.


A empresa duplicou o seu valor a cada ano desde que foi criada, em 2005. Atualmente, Zozotown tem mais de 3 milhões de assinantes, fazendo de Maezawa, aos 35 anos, um bilionário.
2 – Mark Zuckerberg


Com 26 anos de idade, Mark Zuckerberg, um aluno de ciência da computação, criou um site que você talvez tenha ouvido falar (sabe, aquele um, o Facebook?). Embora haja alguma controvérsia sobre quem teve a ideia da rede social (quem assistiu o filme “A Rede Social” está mais por dentro), não há como negar que foi o trabalho duro e o cérebro de Zuckerberg que trouxeram o Facebook para a vida – e consequentemente fez dele o site de rede social mais popular no mundo hoje.

Até agora, Zuckerberg já ganhou mais 21,79 bilhões de reais. Para seu crédito, ele doou centenas de milhares de reais para instituições de caridade, e recentemente se comprometeu a doar mais da metade de sua fortuna para a caridade (ou ao longo de sua vida, ou após a sua morte).
3 – Yoshikazu Tanaka


E Zuckerberg pode ter uma forte concorrência: Yoshikazu Tanaka, 34 anos, fundador do maior site de rede social do Japão, “Gree”. Tanaka já vale mais de 3,47 bilhões de reais, e seu objetivo maior é a expansão global. Em breve, o empresário vai estabelecer um escritório do Gree na Califórnia.
4 – Dustin Moskovitz


A sorte de Moskovitz foi ter o melhor colega de quarto do mundo. Apenas oito dias mais novo que o cofundador do Facebook, Mark Zuckerberg, Dustin Moskovitz foi companheiro de quarto de Zuckerberg na faculdade e o terceiro funcionário da rede social. Atuando como chefe de tecnologia e vice-presidente de engenharia, Moskovitz acumulou, estima-se, mais de 4,26 bilhões de reais. Ele deixou o Facebook em 2008 para iniciar sua própria empresa, Asana.
5 – Oleg Bakhmatyuk


Esse ucraniano de 35 anos é o principal proprietário de Avangard, a maior empresa produtora e exportadora de ovos de galinha da Ucrânia. Sim, ovos de galinha! Bakhmatyuk trabalhou anteriormente em estatais de gás e na indústria do petróleo, com certeza negócios lucrativos, mas mudou-se para produtos de ovos porque acha que as empresas ficarão cada vez mais interessadas na alimentação de pessoas para acabar com a fome no mundo.
6 – Sergey Brin


Você pode nunca ter ouvido esse nome, mas com certeza absoluta já usou o site criado por ele. Sergey Brin, 38 anos, cientista da computação russo-americano e cofundador industrial do Google, a maior empresa online do mundo, tem uma fortuna pessoal estimada em 31,26 bilhões de reais.
7 – Xiaofeng Peng


Xiaofeng Peng, 36 anos, faz dinheiro através do sol. Ele é presidente do conselho de administração e diretor da companhia “LDK Solar”, que ele próprio fundou em julho de 2005 e que veio a público em 2007. Hoje, a empresa vale mais de 2,84 bilhões de reais. Peng fez sua própria fortuna pessoal de 2,37 bilhões de reais graças à energia solar renovável.[Oddee]

segunda-feira, 27 de abril de 2015

AUTODEFESA: AS 10 MELHORES ARTES MARCIAIS PARA SE DEFENDER

http://colunadiamante.blogspot.com.br/2015/04/autodefesa-as-10-melhores-artes.html
AUTODEFESA: AS 10 MELHORES ARTES MARCIAIS PARA SE DEFENDER

As artes marciais são um excelente esporte para assistir e uma boa maneira de entrar em forma, mas assumem um valor maior quando são usadas para autodefesa. Nesta lista, vamos dar uma olhada nas melhores artes marciais para quem estiver interessado em se proteger de atacantes.

Artes marciais para autodefesa

10. Kickboxing

Existem vários estilos de kickboxing. O mais famoso chama-se Muay Thai, que significa algo como “arte dos oito membros”. O kickboxing para autodefesa possui um ritmo rápido que busca confundir o oponente e procurar todas as aberturas possíveis. Se o atacante tem uma faca e você está no alcance dela, é isso que ele vai usar. Quem está se defendendo possui mais armas: mãos, pés, joelhos, cotovelos e cabeça.

Por exemplo, se o oponente não tiver uma arma de fogo, você pode caminhar em sua direção e chutar seu queixo com toda força. Com a técnica de kickboxing, o praticamente deve ser capaz de executar o chute com rapidez e sem risco de “movimentos desengonçados”.

Se o chute for executado corretamente, o atacante provavelmente vai quebrar a mandíbula ou os dentes, ou fazer com que ele morda a língua, entre outras possibilidades. Você também pode dar um passo para o lado, agarrar o braço em que ele segura a arma, e golpear o seu nariz com a testa. Esse golpe não vai te machucar tanto quanto você pode pensar, mas o nariz do oponente será esmagado.

9. Caratê

A maior parte dos socos e facadas dos atacantes são feitos retos em direção à vítima, não em arco. O movimento de caratê sugerido aqui se concentra em desviar os ataques. O que se pode fazer é dar um passo e ficar de lado, criando uma linha lateral em direção ao braço do atacante, e em seguida acertar seu punho ou a mão que segura a faca, para rapidamente atacar sua barriga.

Um avanço e uma joelhada no quadríceps vai doer bastante. Atingir o rosto e a cabeça é importante, mas o atacante vai esperar isso, então deve-se bloquear o golpe da mão direita do atacante com a mão esquerda (ou vice-versa) e atacar com a outra mão o ponto macio logo abaixo do esterno, girando a cintura. O alvo é o plexo solar, e vai incapacitar o atacante tão efetivamente quanto um golpe na virilha.

Ou, se o atacante avançar, é possível acertar um chute frontal com a “bola do pé” com toda a força no estômago ou plexo solar, não na virilha. Se o estômago ou o plexo solar forem atingidos, o atacante vai dar um passo para trás, em agonia, pelo deslocamento do centro de gravidade. Se a virilha for atingida, como o atacante está inclinado para a frente, ele vai acabar voando para cima de quem está se defendendo.
8. Aikido

O Aikido é uma arte interessante reconhecida rapidamente pelos seus movimentos. Ela tem alguns golpes, mas é baseada principalmente no fato que quando um atacante golpeia, ele deixa alguma parte do seu corpo vulnerável. Quem não ataca permanece defensivamente invulnerável. O praticante de Aikido não faz nada para impedir o ataque, mas usa o momento do atacante contra ele.

Steven Seagal é o praticante de Aikido mais famoso no ocidente, e pode ser um ator horrível, mas é um faixa preta 7° Dan em Aikido. O movimento chave que ele usa é absolutamente essencial a qualquer arsenal de autodefesa: o “kote gaeshi”. O atacante dá um passo à frente e lança um soco direto. Quem defende dá um passo ao lado, agarra o punho do atacante, e gira junto com o soco.

Se o movimento for executado corretamente, o atacante perde o equilíbrio por causa da inércia, ao mesmo tempo em que o defensor rodopia, e torce o punho do atacante para fora. É pouco provável que o oponente vai girar como nos filmes do Seagal, mas provavelmente seu punho vai quebrar, deixando-o fora de combate.

A maior parte dos críticos dizem que é quase impossível para um faixa-preta normal agarrar o punho de alguém e girar com velocidade suficiente para executar este movimento, mas isto não é verdade; este é um movimento fácil de aprender e aperfeiçoar. O Aikido usa bastante os bloqueios de articulação, que não precisam de muita velocidade para serem executados quando comparados ao kote gaeshi, e são muito efetivos para imobilizar e incapacitar o atacante.

7. Wing Chun

Wing Chun Kung Fu é a arte que Yip Man ensinou a Bruce Lee, e que Lee achou ser muito lenta e formal para autodefesa. Pode ser verdade no caso de Bruce Lee lutando contra especialistas em artes marciais, como Wong Jack Man: o primeiro derrotou o segundo em 3 minutos, quando a maioria dos outros lutadores no mundo precisaria de mais tempo e se machucaria mais.

Como Lee alcançou a façanha? Usando seu próprio estilo de luta, desenvolvido a partir da percepção dos pontos fracos do Wing Chun. Mas o golpe que ele usou para derrotar Wong — um soco que não usa movimentos da cintura, mas é bem rápido, com sequências rápidas de direita e esquerda ao peito do oponente, em direção ao esterno ou o plexo solar — é próprio do Wing Chun.

Com uma mão, o ataque é bloqueado, enquanto a outra ataca direto o peito, seguido pelo outro punho, novamente avançando para o atacante enquanto o golpeia. O avanço aumenta o poder dos golpes, e a única coisa a praticar é a velocidade em que isto é feito. Não é incomum um atacante receber 15 golpes antes esboçar alguma reação. Estes golpes também tem a vantagem de manter o cotovelo junto do corpo, impedindo que o atacante agarre um dos braços que esteja golpeando.

Além disso, há a defesa da linha do centro versus os ataques circulares, como um gancho ou chute lateral. A menor distância entre dois pontos é uma linha reta, e, em vez de gastar energia extra girando e torcendo a cintura, o praticante de Wing Chun bloqueia o ataque e ao mesmo tempo atinge um chute direto na barriga do oponente. Se o oponente for golpeado rapidamente, será desequilibrado logo no primeiro chute.

Os métodos de combate à curta distância favorecem uma pessoa de pequena estatura, como uma mulher se defendendo de uma tentativa de estupro. Quanto mais perto duas pessoas estiverem, mais fácil é para a menor delas invadir o espaço do atacante e penetrar suas defesas.
6. Jiu-Jitsu

O estilo mais universal nesta lista, é um híbrido verdadeiro, incorporando elementos de agarramentos, golpes fortes, dedos nos olhos, estrangulamentos, mordidas, travamento de articulações, bem como o controle do centro de gravidade do defensor versus o do atacante.

É possível arremessar seu atacante para longe se você baixar o centro de gravidade abaixo do centro de gravidade do oponente, desequilibrando-o sobre você, ou em torno de você. Isso é simples e efetivo e, se o atacante vier com uma arma, você pode prender seu braço e aplicar um golpe na clavícula, ao mesmo tempo que o empurra para trás e para baixo, prendendo o punho que tem a arma, e quebrando-o.

Se o atacante usar um chute frontal ou lateral de qualquer tipo, vai ter que ficar em pé sobre uma perna. Você pode desviar do chute e prender sua perna, desferindo seu próprio chute no joelho de apoio, arremessando o oponente para o lado com a perna que está elevada. Ele vai cair, incapacitado.

Se ele avançar e agarrar sua camisa, não vá para trás, e sim para frente: se abaixe, projete seu quadril contra o meio do corpo dele, agarre um de seus ombros com uma mão e com a outra prenda suas costas, jogando-o sobre seu ombro. Uma mulher de 45 kg pode fazer isto facilmente contra um homem de 110 kg. E, quando ele estiver no chão, você pode torcer o braço do atacante.

5. Jeet Kune Do

Bruce Lee idealizou “um estilo sem estilo”, o que parece ser um contra-senso, até que você começa a entender o conceito de adaptação. Lee enfatizava que “a pior coisa que você pode fazer é tentar antecipar o resultado de uma luta. Você não deve estar pensando em nada além do ataque do oponente e a sua defesa. Limpe a mente de outros pensamentos, ou eles vão te deixar mais lento”.

Lee usava a posição do esgrima ocidental “en garde”. Nesta posição, deve-se ficar saltitando na ponta dos pés para trocar a perna da frente da direita para a esquerda, para se retirar ou avançar, e para chutar com qualquer perna. O trabalho de pés é importante em uma luta real, já que vai determinar a distância ao atacante.

Esse estilo de Lee também combina elementos do Wing Chun, que incluem segurar mãos e prender pés a curta distância, e nenhum chute acima do peito, já que chutar mais alto vai deixar a virilha e a perna de apoio vulneráveis. Outro ponto são ataques e defesas simultâneos. Os elementos do Jiu-Jitsu incorporados incluem arremessos e o desvio de golpes. A ênfase é na velocidade da combinação de golpes; praticantes treinados podem acertar a garganta do atacante até 10 vezes em um segundo.

4. Boxe ocidental

Todos já ouviram histórias de assaltantes escolhendo o velho errado para roubar. O velho era provavelmente um boxeador. Eles golpeiam rápido, com força e com muito mais precisão que qualquer outro lutador treinado. A razão é que um boxeador treina em média 4 anos só para socar de forma correta. Eles não têm permissão para chutar, então as mãos são tudo que precisam.

Boxeadores também treinam todos os dias para aumentar a resistência e durabilidade de seus músculos. Eles não ficam com uma aparência de um bodybuilder, mas têm músculos tão duros e poderosos quanto um fisiculturista.

Em seu treinamento, também aprendem a se proteger: as mãos ficam ao lado da cabeça, a postura encolhida de forma que o corpo esteja pronto para uma explosão de força, e a frente do torso protegida pelos antebraços.

O alvo de quem usa boxe para autodefesa é o lado do queixo, que ao ser golpeado torce a cabeça do atacante para o lado, e desliga seu cérebro ao prensar o cordão espinhal no pescoço. A força e raiva não importam: o oponente deve desmaiar na hora.

3. Jiu-Jitsu brasileiro

Esta arte híbrida mistura os golpes e movimentos do Jiu-jitsu com ênfase sobre as juntas e o controle total do oponente, terminando uma briga rapidamente. Quanto maior o atacante, mais facilmente ele pode ser agarrado pelos pés e o seu centro de gravidade pode ser usado contra ele, sendo forçado a se render (ou desmaiar).

Uma vez no chão, a primeira coisa que o jiu-jitsu brasileiro ensina é bloquear um membro e quebrar o mesmo na articulação. Além disso, envolve estrangulamentos e o uso das pernas para imobilizar o torso do oponente enquanto ele é finalizado com punhos ou cotovelos no rosto.

2. Método de luta Keysi

Este é método de luta que se vê nos filmes de Batman feitos por Chris Nolan, e foi desenvolvido por Justo Dieguez e Andy Norman, baseado na experiência de Dieguez em brigas de rua na Espanha. Segundo as revistas em quadrinhos, os métodos de luta de Batman requerem eficiência máxima, já que ele é um gênio do combate ao crime e não desperdiça tempo ou energia ao neutralizar criminosos. Atacar dez ou vinte bandidos é rotina para ele, e Dieguez e Norman desenvolveram o estilo que permite se defender de um grupo deste tamanho. Parece impossível, mas depois de 6 ou 7 anos de treino, o que não é um tempo muito grande, qualquer um pode fazer todos os movimentos necessários, se tornando uma máquina de autodefesa.

Nolan procurava um estilo de luta nunca visto antes no cinema, algo que tivesse um ritmo rápido, a pequenas distâncias, e que fosse sujo e brutal. O Método de Keysi praticamente não tem chutes, se dedicando ao combate próximo usando todas as armas que o corpo pode fornecer nestas situações: punhos, cabeça, pescoço, joelhos e especialmente os cotovelos.

Só há uma posição de luta para aprender, e quando ela é vista uma vez, pode ser repetida facilmente: “o homem pensativo”, com as mãos pressionadas contra a cabeça, e os cotovelos levantados para protegê-la, bem como o pescoço e a parte de cima do peito. Parece com um homem segurando a cabeça enquanto está pensativo. O objetivo é atacar com os cotovelos, e dar marteladas com as mãos, que são muito mais poderosas e devastadoras que socos, por que empregam o corpo todo para usar o músculo mais externo, da raiz do mindinho ao pulso, em um golpe para baixo como um martelo contra o alvo.

Este também é um estilo híbrido, que usa elementosdo Jiu-jitsu e do Aikido, luta no solo como no Jiu-jitsu brasileiro, usa golpes próximos e defesa do centro do Wing Chun, e apresamento do Jeet Kune Do. O Método Keysi ensina seus praticantes a se defender contra qualquer número de atacantes com um ângulo de agressão de 360 graus, para observar todos os objetos na vizinhança em busca de armas potenciais.

1. Krav Maga

Esta é a arte marcial nacional de Israel, desenvolvida por Imi Lichtenfeld e dedicada a incapacitação sem limites, com o objetivo de sobreviver na rua.

O Krav Maga incorpora o box ocidental, chutes e joelhadas do karatê, golpes da luta greco-Romana, luta no solo do Jiu-jitsu brasileiro, arremessos e agarramentos do Jiu-jitsu, e o mais importante: golpes explosivos adaptados do Wing Chun. Ele é ao mesmo tempo defesa e ataque: em vez de bloquear um ataque e então responder com outro, o praticante bloqueia e ataca ao mesmo tempo. Por exemplo, com o braço esquerdo é feito o bloqueio e o avanço, enquanto o defensor ataca com o punho direito na garganta do oponente.

O método também visa atacar partes vulneráveis do corpo: olhos, garganta e virilha. Os agressores vão sofrer ruptura do testículo quase que certamente. A ênfase é dada no desarme dos atacantes usando facas e armas de fogo, para “virar” estas armas contra o atacante. Treina-se exclusivamente a coordenação olho-mão, até que a defesa se torna uma segunda natureza e não exige pensamento. Um bom professor de Krav Maga pode ensinar tudo que sabe a qualquer um, independente da forma física, em um período curto, de 3 a 6 meses.
Bônus: armas não letais

O ranking das artes marciais acima não leva em conta o tempo necessário para dominar cada uma. O Krav Maga é a número 1, por que pode ser aprendida em um período de 3 a 6 meses.

Para quem quer se defender e não tem tempo de aprender uma luta, uma boa opção são armas não letais. No Brasil, o porte de arma é proibido para a maior parte dos cidadãos, mas boas alternativas são o aparelho de choque e o spray de gás pimenta, que são fáceis de utilizar e é possível aprender rapidamente como usá-las para neutralizar um atacante de forma efetiva. [Listverse]